NOTÍCIA

Expositores comemoram o perfil qualitativo dos visitantes da Coopershow

Quase nove mil pessoas, entre expositores, trabalhadores e visitantes estiveram no recinto, consolidando o papel de difusão de tecnologia à região, conforme propõe a organização do evento

 

Após três dias de demonstrações de pesquisas e apresentação de novas tecnologias realizadas durante a 12ª Coopershow, a organização faz um balanço positivo dos resultados obtidos. Conforme relatos de expositores e fornecedores, o perfil dos visitantes está alinhado com a proposta do evento e demonstra o interesse dos agricultores pelas inovações agrícolas. As iniciativas apresentadas nesta vitrine de tecnologia agrícola têm atraído visitantes, não só da região, mas também de diversas localidades do estado de São Paulo e do norte do Paraná. Diversas caravanas foram organizadas para trazer o agricultor situado em regiões mais distantes até a Coopershow. Em alguns casos, o deslocamento passou de 400 quilômetros.

 

No total, quase nove mil pessoas, entre expositores, trabalhadores e visitantes estiveram no recinto, consolidando o papel de difusão de tecnologia à região, conforme propõe a organização do evento.  “A cada ano estamos reunindo neste espaço um público cada vez mais qualificado, que vem em busca de conhecimento no que se refere à tecnologia e informação pertinentes à busca de melhores resultados no campo. Nós nos dispomos a fazer esta ponte entre o produtor e os fornecedores, para facilitar o acesso do agricultor ao que tem de novo no mercado e, desta forma, contribuir para o desenvolvimento do agronegócio como um todo”, afirma o presidente da Coopermota, Edson Valmir Fadel (Branco).

 

Além do público visitante, a Coopershow trouxe ao Campo de Difusão de Tecnologia da cooperativa algumas personalidades do setor agrícola como o presidente da Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo (Ocesp), Edvaldo Del Grande, e o consultor de agronegócio, Sinohe Guerreiro de Oliveira. Além disso, também contou com a presença de personalidades políticas como o secretário estadual da Agricultura, Arnaldo Jardim, e o senador Álvaro Dias, eleito pelo estado do Paraná. Fadel destaca que a presença das personalidades políticas e de representações oficiais do setor que estiveram no evento ratifica a importância desta vitrine de tecnologia para a região.

 

De acordo com dados da Comissão Organizadora, ao final do evento, muitos parceiros expositores verbalizaram o interesse em retornar no próximo ano trazendo ainda mais estruturas, tanto em volume de equipamentos como em inovações tecnológicas propriamente ditas. Isso porque a análise que fizeram sobre aqueles que visitaram os seus estandes era de que o público estava mesmo interessado no assunto apresentado.

 

Parcerias que se ampliam

Neste ano, a participação da Associação Paulista de Criadores de Ovinos (Aspaco) foi ampliada, tendo a Coopershow sido incluída entre os eventos que pontuam os animais no ranking de criadores do estado. Neste ano, a Coopershow se configurou como a primeira etapa do Ranking Cabanha do Ano ASPACO 2018 e primeira etapa da Copa Sem Fronteiras, para as raças Santa Inês, Dorper, White Dorper, Ile de France, Suffolk e Texel. A Copa Sem Fronteiras é fruto de uma parceria entre a ASPACO e a Ovinopar.

 

A união entre as duas associações deu origem a esse campeonato que será realizado em duas etapas, sendo a primeira em São Paulo, com a realização da 12ª Coopershow, e a segunda no Paraná, na EXPOIBAN, em Bandeirantes. Ambos os eventos serão ranqueados pelas duas associações. “É oportunidade que temos de reunir os criadores dos dois Estados. A ovinocultura precisa dessa união para se fortalecer. Tenho certeza que os criadores tantos paranaenses quanto paulistas participarão de dois eventos muitos bons. A expectativa é de boas vendas e uma boa divulgação para as raças presentes em ambas as exposições”, ressalta o presidente da Ovinopar, Edson Luiz Duarte Dias.